SÁBADO 21 DE MAIO 2016 – 22H00 | CONCERTO – CANTO ONDO – Apresentação do álbum de estreia: “Entre o alto do peito e as campainhas da garganta” – Tânia Cardoso (voz), Rodrigo Crespo (guitarra), João Luís (percussão) & Catarina Anacleto (violoncelo)

21 de Maio de 2016
22:00to23:00

CONCERTO no Duetos da Sé - SÁBADO 21 DE MAIO 2016 - 22h00 - CANTO ONDO

 

 

Este projecto de música portuguesa desenha desde 2011 a sua abordagem ao Canto (da terra) e ao Ondo (profundo) da poesia.

Partem de Lisboa, para uma viagem de paisagens sonoras rumo a Sul, com cheiro a almíscar e um coração de amêndoa amarga a palpitar no fundo. A actriz e cantora Tânia Cardoso no corpo e na voz, Rodrigo Crespo na guitarra e composição, João Luís nos ritmos da percussão e Raquel Merrelho nas cordas do violoncelo, apresentam um espectáculo marcado pela portugalidade da tradição reinventada e pelo cantar de poetas que os inspiram, do al-andaluz à lusofonia.

Numa experiência íntima, partilham poemas, cantos (e até estórias contadas) com recriações e composições originais feitas a partir da fragilidade aparente da guitarra acústica. Canto Ondo é a simplicidade de uma viagem musical e cénica sobre as emoções de cantar a natureza, a terra, a pintura e a poesia!

Entre o alto do peito e as campainhas da garganta[1] sopra o álbum de estreia do projecto Canto Ondo, com gravação de José Martins (Trovante, Amélia Muge) e masterização de Tó Pinheiro da Silva (Camané, Dulce Pontes, Mísia) nos estúdios de José Barros/Navegante; Uma edição independente d’ A MONDA Associação Cultural/ Canto Ondo, 2016.

[1] “ Antes que a alma te fuja a galope, entre o alto do teu peito e as campainhas da garganta”,

Ibn Alalame, poeta árabe, Sec. XII